Uma virtualização de hardware sem a participação de terceiros

Dicas de virtualização integradas no núcleo

A grande diferença entre os KVM VPS e a maior parte dos servidores virtuais não é outra senão a tecnologia de virtualização. Por meio dos Servidores KVM, não é necessário executar no servidor qualquer outro aplicativo de virtualização- em troca as indicações de software requeridas são compiladas no sistema operativo do anfitrião. Isto é uma abordagem que reduz consideravelmente os recursos que o servidor tem de reservar a fim de executar aplicativos adicionais e por sua vez faz com que esses recursos estejam disponíveis a favor das máquinas hóspedes. A eliminação da camada adicional de comunicação assim mesmo reduz o intervalo de espera de entrada/saída, realmente fazendo o Servidor VPS correr muito mais rápido.
Uma virtualização de hardware sem a participação de terceiros

Melhoria da eficiência dos recursos

Uso eficaz das capacidades do servidor

Para cuidar da gestão de recursos as máquinas virtuais no caso comum precisam de mais um nível entre elas e a máquina host. Isto resulta em recursos à disposição das máquinas virtuais reduzidos. Graças aos KVM VPS esta camada adicional é retirada, posto que o sistema de virtualização é uma parte integrante do SO do servidor central. Desta forma, toda a potência do host físico pode ser aproveitada pelos Servidores Privados Virtuais KVM que foram configurados. Uma tal disponibilidade de recursos oferece um ponto extra que você precisa para fazer seus sites e aplicações web se destacarem da concorrência.
Melhoria da eficiência dos recursos

Pleno controle no que se refere ao SO

Liberdade absoluta na instalação daquele SO que tiver selecionado

Uma das principais limitações dos Servidores VPS, em comparação com servidores dedicados resulta ser o SO por si mesmo – no caso comum só é possível optar por um dos sistemas operacionais na lista do provedor. Com um Servidor Privado Virtual KVM, pois, será possível carregar praticamente qualquer sistema operacional que é compatível com as especificações do seu servidor e do hardware do servidor mestre. Este cenário é realizável levando na conta a maneira singular em que opera o método de virtualização KVM. KVM é um componente indivisível do sistema operacional do servidor físico, cujo papel consiste em estabelecer uma conexão não mediada entre as instâncias virtuais e o hardware, sem a necessidade de um outro nível de comunicação, o qual não poucas vezes é mesmo o fundamento de outras plataformas virtualizadoras.
Pleno controle no que se refere ao SO
  • Centro de Dados em EUA
  • Centro de Dados em EUA

    Steadfast, Chicago, IL